Skip to content
24 de julho de 2010 / gabrielbroca

Bruno ganha direito a banho de sol e TV em penitenciária em Contagem

Goleiro recebeu aparelho de televisão de procurador na sexta-feira.
Outros cinco suspeitos de envolvimento no caso Eliza terão banho de sol.

O goleiro Bruno de Souza, preso temporariamente no Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Contagem (MG), ganhou o direito a duas horas diárias de banho de sol e passou a ter uma televisão dentro da cela. A informação foi divulgada pela Secretaria de Defesa Social (Seds) de Minas Gerais, neste sábado (24).

Segundo a Seds, o jogador recebeu um aparelho de televisão de um procurador, na sexta-feira (23). O mesmo benefício foi dado a Marcos Aparecido dos Santos – o Bola, que também recebeu o aparelho na sexta, e Luiz Henrique Romão – o Macarrão, que não recebeu nenhum equipamento até a manhã deste sábado. Segundo a Secretaria, o aparelho só pode ser entregue por um procurador e deve ser comprado pela família.

Bruno, Bola e Macarrão são suspeitos de envolvimento no sumiço de Eliza Samudio e foram presos em 9 de julho. A jovem está desaparecida desde o início de junho e é considerada morta pela Polícia Civil de Minas Gerais. Eliza teve um relacionamento com goleiro Bruno, no ano passado, e brigava, na Justiça, pelo reconhecimento da paternidade do filho de 5 meses, que seria do jogador.

Banho de sol
Todos os suspeitos presos na Penitenciária Nelson Hungria passam a ter direito a duas horas diárias de banho de sol, a partir desta segunda-feira (26). Bruno, Macarrão, Bola, Wemerson Marques, Elenilson Vitor da Silva e Flávio Caetano estão na sessão de triagem do presídio e, nessa etapa, eles geralmente não têm direito ao banho de sol nem à televisão.

De acordo com a Secretaria de Defesa Social, no entanto, após 15 dias de prisão, esses benefícios podem ser reavaliados e liberados.

Apesar do direito ao banho de sol, os suspeitos nunca o farão ao mesmo tempo e devem permanecer sem contato entre si. As visitas também ainda não são permitidas para nenhum deles, a não ser a dos advogados.

Ainda estão presos por suspeita de envolvimento no desaparecimento de Eliza Samudio o primo do goleiro, Sérgio Rosa Sales, no Centro de Remanejamento de Presos São Cristóvão; e a mulher de Bruno, Dayanne Souza, no Complexo Penitenciário Estevão Pinto, ambos em Belo Horizonte. O adolescente que também é suspeito de envolvido no caso está internado no Centro de Internação Provisória no Horto, na capital mineira.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: